A cidade de Nova York terminou o ano com 462 assassinatos – um aumento de 44% em relação a 2019.

E muito longe de 289 assassinatos em 2018 e 292 em 2017 – 2.245 pessoas foram assassinadas em 1990 e 2154 em 1991.

A cidade dobrou o número de disparos e vítimas de disparos no ano passado.Os incidentes com tiroteios aumentaram 97%. As vítimas de tiros aumentaram 102%.

Também dobrou o número de tiroteios no último dia do ano. Quatro pessoas foram baleadas no dia 31 de dezembro, o dobro do número de baleados no mesmo dia em 2019.

brasildospaulistassedsita 1024x723 Bill de Blásio é mais incompetente que Jair Bolsonaro