cubamedica 200x300 Brasil e Cuba começam a produzir medicamentos

A parceria já deu frutos : é lançado o primeiro medicamento

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, assinou  acordo tecnológico que estabelece parceria  entre Brasil e a Ilha de Fidel  para o desenvolvimento de medicamentos contra o câncer e doenças autoimunes.

O acordo possibilitará  que empresas brasileiras e cubanas desenvolvam  novos medicamentos.

Os barnabés da área da saúde destacam  que  a parceria  reduzirá  o custo de medicamentos e produtos, além de estímulo à inovação tecnológica no Brasil em em Cuba.